A Bíblia na experiência da vida

Todos nós seres humanos estamos sempre correndo e sempre nos preocupando com o tempo. Quando somos crianças queremos crescer o mais rápido possível, talvez para darmos uma resposta para nós mesmos, ou seja, dizer ou sentir-se grande. Quando começamos a sentir o amadurecimento de nossa existência também começamos a preocupar-nos com o tempo que rapidamente está passando. Já não sou mais aquele jovem a procura dos desafios que nossa existência nos impõe no dia a dia, mas começo a olhar para os dias vividos, que obviamente já estão no passado, e vejo o quanto aprendi. Qual a sabedoria que pude acumular até este momento? E começo a refletir: ainda criança quais os ensinamentos que recebi dos meus pais e que guardei e consegui transmitir aos outros?

Como meus pais e mestres eram de formação cristã, me levaram para a catequese da comunidade em que a família participava. Sei que não era mau aluno tanto na escola como na catequese, e hoje lembro muito bem que em nossa casa na estante ficava um livro bastante grande, mas que poucas vezes eu o vi aberto, pois todos nós, apesar de sermos cristãos, não tínhamos o hábito de ler este livro, a BÍBLIA SAGRADA.

E agora depois de muitos anos vivendo e sendo regido pelas leis, normas e procedimento criados pelos homens, noto que muita coisa que aprendi já está velha demais para ser aplicada, seguida e respeitada. Resumindo, muito do aprendi ENVELHECEU, não serve mais, mas minha memória está fixa naquele livro que era pouco lido e que eu poucas vezes folheei.

Quero voltar para o presente, porque o tempo está me pressionando e eu estou com medo, pois tenho consciência que também ENVELHECI e percebo agora que só há uma coisa que não ENVELHECE nunca, sem aumentar ou diminuir uma só letra, que é o livro dos livros, a BÍBLIA SAGRADA.

Feliz setembro a todos! O tempo passa para nós, não vamos perder esta oportunidade de refletir.

Por João Destefani
Ministro da Palavra, Comunidade São João Batista

pp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.


*